O desejo de São Camilo de ter 100 braços para cuidar dos “pobres enfermos” se renova em cada novo grupo de alunos que ingressa no Colégio Tezza para dar início a algum curso na área da saúde.